Atendimento: Segunda a Sexta 12h às 18h

Coronavírus

Informações Sobre COVID-19

Notícias e informações sobre as ações de enfrentamento à pandemia de Coronavírus da Prefeitura Municipal de Sapucaia do Sul.

Sintomas da COVID-19

dificuldade respirar

Dificuldade para respirar

dor de cabeça

Dor de cabeça

dor de garganta

Dor de garganta

febre

Febre

tosse

Tosse

Prevenção

Aglomeração

Evitar aglomeração

alcool gel

Utilizar álcool gel

lavar as mãos

Lavar as mãos

usar mascara

Usar máscara

distanciamento

Manter distânciamento

Documentos e Informativos

Arquivos Covid-19

12 de abril de 2022

Informes Técnicos

4 de novembro de 2021

Números de vacinação no município - Atualização 30/06/2022 - Fonte: Secretaria Estadual da Sáude

0
Vacináveis
0
Vacinas Recebidas
0
Vacinas Aplicadas
0
1ª Dose
0
2ª Dose
0
Dose Única
0
Dose Reforço D3
0
Dose Reforço D4
0
Dose Adicional

Números de casos no município - Atualização 30/06/2022 - Fonte: Secretaria Municipal da Saúde

0
Confirmados
0
Recuperados
0
Em Recuperação
0
Óbitos
0
Em Análise
0
Negativos
0
Testes Realizados

Mais Informações Sobre COVID-19

A Covid-19 é uma infecção respiratória aguda causada pelo coronavírus SARS-CoV-2, potencialmente grave, de elevada transmissibilidade e de distribuição global.

O SARS-CoV-2 é um betacoronavírus descoberto em amostras de lavado broncoalveolar obtidas de pacientes com pneumonia de causa desconhecida na cidade de Wuhan, província de Hubei, China, em dezembro de 2019. Pertence ao subgênero Sarbecovírus da família Coronaviridae e é o sétimo coronavírus conhecido a infectar seres humanos.

Os coronavírus são uma grande família de vírus comuns em muitas espécies diferentes de animais, incluindo o homem, camelos, gado, gatos e morcegos. Raramente os coronavírus de animais podem infectar pessoas e depois se espalhar entre seres humanos como já ocorreu com o MERS-CoV e o SARS-CoV-2. Até o momento, não foi definido o reservatório silvestre do SARS-CoV-2.

https://www.gov.br/saude/pt-br/coronavirus/o-que-e-o-coronavirus

O primeiro caso no país foi o de um paciente em São Paulo, que voltou de viagem à Itália. O Ministério da Saúde fez o anúncio em 26 de fevereiro de 2020.

Por gotículas respiratórias (espirro ou tosse), contato direto com secreções (catarro, coriza), contato próximo (até 2 metros de distância) com alguém com sintomas ou por contato com objetos e superfícies contaminados.

Se você tem gripe (febre, sintomas respiratórios como tosse, dor de garganta, dor de cabeça, dores no corpo), nesse momento há a suspeita de Covid-19.

Utilize máscaras em lugares públicos, sejam locais abertos ou fechados e evite aglomerações.

Lave as mãos com água e sabão por pelo menos 20 segundos, várias vezes ao dia. A limpeza pode ser feita também com álcool gel 70%, desde que a mão não tenha sujeira aparente. Cubra o nariz e a boca ao espirrar ou tossir.

O álcool em gel pode substituir a lavagem das mãos com água e sabão para a prevenção do vírus, exceto quando houver sujeira visível.

O álcool deve ser a 70% com algum tipo de hidratante para não ressecar as mãos: pode ser em gel, glicerinado ou espuma.

Você precisa ficar em casa, não poderá ir ao trabalho, escola ou sair para qualquer outra atividade. Neste período, não poderá, se possível, ter contato físico com o resto da família. Deve evitar compartilhar objetos com outros moradores da casa. Lave bem pratos, copos e outros utensílios de uso contínuo. Ao tossir ou espirrar, deve sempre tapar a boca ou nariz com um lenço de papel ou parte interna do cotovelo. 

O isolamento deverá ser feito por 7 dias, desde que não apresente sintomas respiratórios e febre, há pelo menos 24 horas e sem o uso de antitérmicos.

Aqueles que realizarem testagem (RT-PCR ou teste rápido de antígeno) para Covid-19 com resultado negativo no 5º dia, poderão sair do isolamento, antes do prazo de 7 dias, desde que não apresente sintomas respiratórios e febre, há pelo menos 24 horas, e sem o uso de antitérmicos. Se o resultado for positivo, é necessário permanecer em isolamento por 10 dias a contar do início dos sintomas.

Para aqueles que no 7º dia ainda apresentem sintomas, é obrigatória a realização da testagem. Caso o resultado seja negativo, a pessoa deverá aguardar 24 horas sem sintomas respiratórios e febre, e sem o uso de antitérmico, para sair do isolamento. Com o diagnóstico positivo, deverá ser mantido o isolamento por pelo menos 10 dias contados a partir do início dos sintomas, sendo liberado do isolamento desde que não apresente sintomas respiratórios e febre, e sem o uso de antitérmico, há pelo menos 24h.

Para aqueles que não realizaram a testagem até o 10º dia, mas estiverem sem sintomas respiratórios e febre, e sem o uso de antitérmico, há pelo menos 24 horas, poderá sair do isolamento ao fim do 10º dia. O entendimento de isolamento é a separação de indivíduos infectados dos não infectados durante o período de transmissibilidade da doença. É nesse prazo que é possível transmitir o vírus em condições de infectar outra pessoa.

Para todos os casos em que o isolamento for encerrado no 5º ou no 7º dia, as pessoas devem manter as medidas adicionais até o 10º dia, como manter o uso de máscaras, higienizar as mãos, evitar contato com pessoas imunocomprometidas ou que possuam fatores de risco para agravamento da Covid-19.

Fonte: Ministério da Saúde

O grupo do coronavírus tem a capacidade de sobreviver fora do corpo humano e, por isso, os objetos e as superfícies não higienizados também podem ser fontes de contaminação. Lave as mãos após tocar em pontos como maçanetas e corrimãos, e não compartilhe objetos de uso pessoal, como telefones, copos, garrafas, talheres e pratos. Além disso, é importante ressaltar que os espaços coletivos devem estar sempre bem ventilados.

Elas devem ser limpas com desinfetantes aprovados pela Anvisa, álcool 70% ou solução composta de água com hipoclorito de sódio a 1%.

Secretaria Municipal de Saúde – Sapucaia do Sul/RS
Fone: (51) 3474.1706

Prefeitura Municipal de Sapucaia do Sul/RS . Todos os Direitos Reservados.

Skip to content